Por que tomar multivitamínico?

Será que você está ingerindo todos os nutrientes e vitaminas que o seu organismo precisa e na quantidade adequada?

Com uma rotina cada vez mais corrida, muitas vezes as pessoas acabam deixando a alimentação e a nutrição em segundo plano, preferindo opções mais rápidas e confortáveis para esse dia a dia acelerado.

Outro erro bem comum é não entender que o seu organismo possui necessidades diferentes das de outras pessoas, pois fatores como idade, estilo de vida, alimentação e sexo biológico influenciam.

Quando falamos de cuidados com a saúde do homem, por exemplo, especialmente quando estamos no mês do Dia Nacional do Homem, é importante entender quais as necessidades de suplemento nesses casos e nas diferentes faixas etárias.

Pensando nesses fatores, o texto abaixo explica porque devemos tomar multivitamínicos e como tomar.

O que são multivitamínicos?

Os multivitamínicos são suplementos vitamínicos usados como suporte em dietas que não oferecem todos os nutrientes que o organismo precisa. Seu uso é indicado em situações específicas como tratamentos, mas também é muito utilizado no dia a dia para prevenção e fortalecimento do sistema imunológico.

Existem suplementos vitamínicos que oferecem vitaminas específicas e os suplementos multivitamínicos, que oferecem combinações de vitaminas e minerais em um só produto.

Pode ser encontrado em comprimidos, cápsulas, pastilhas e líquido. Também existem multivitamínicos específicos como é o caso do Forteviron® Vitamin A-Z Men 50+, voltado para o público masculino.

De modo geral, o uso de multivitamínicos ou de outros suplementos vitamínicos não apresentam riscos de reações adversas, mas o uso deve ser feito com acompanhamento de um médico ou nutricionista para evitar complicações em casos de superdosagem, por exemplo.

Para que serve o multivitamínico?

A principal função dos multivitamínicos é suprir as necessidades de vitaminas e minerais essenciais para o funcionamento de nosso organismo. Por diversos motivos, podemos ter uma queda na absorção desses nutrientes e a suplementação, além da alimentação, é uma das formas de tratar essas deficiências.

Abaixo listamos algumas das ocasiões em que o uso de multivitamínicos é indicado e os benefícios que esse tipo de suplementação proporcionam. 

Ajuda a fortalecer o sistema imunológico

As vitaminas e minerais presentes nos alimentos são fundamentais para manter nosso organismo funcionando perfeitamente e nosso sistema imunológico fortalecido. 

Quando não consumimos esses nutrientes, nosso sistema de defesa fica enfraquecido e muito mais vulnerável a doenças causadas por invasores, tais como bactérias, vírus e fungos.

Os multivitamínicos, nesses casos, são utilizados para que o organismo tenha com facilidade a absorção desses nutrientes que não estão sendo adquiridos por meio da alimentação ou outro fator.

Suporte em dietas restritivas

A suplementação de vitaminas pode ser indicada para pessoas que adotam dietas restritivas, seja por uma indicação médica ou por fins estéticos. No entanto, é muito importante ressaltar que os multivitamínicos não devem substituir uma alimentação equilibrada, assim como não devem substituir uma refeição.

Dietas rigorosas podem causar riscos, por isso é importante ter cuidado e buscar acompanhamento de um profissional, como um nutricionista.

Suplemento em pacientes com condições específicas

Algumas condições clínicas e doenças podem interferir na absorção de nutrientes. Por isso, é comum que pessoas que passaram por uma cirurgia bariátrica, que possuem diagnósticos de doenças gastrointestinais (diverticulite, doença de Chrohn, retocolite ulcerativa etc), doença celíaca e outras condições tenham que suplementar as vitaminas.

Indicado para atletas de alta performance

Atletas de alta performance ou praticantes de atividades físicas de alta intensidade podem ter uma necessidade maior de nutrientes, devido ao desgaste físico. Por isso, junto ao acompanhamento médico e nutricional, pode ser necessário incluir na dieta os multivitamínicos.

Reposição de nutrientes na gestação

A gravidez e a amamentação são períodos de muitas mudanças no organismo da mulher e essas alterações podem interferir na absorção dos nutrientes. Além disso, existe a necessidade nutricional extra para que a mãe e o bebê permaneçam com saúde durante todos os meses gestacionais e após o parto.

É comum, nesses casos, que o médico obstetra recomende a suplementação de vitaminas A, C, D, do complexo B, ácido fólico, ferro e cálcio. Ou seja, os multivitamínicos se tornam a opção mais completa.

Multivitamínicos para idosos

Com o passar dos anos, nosso organismo começa a manifestar sinais da ação do tempo sobre ele. É comum que, à medida que envelhecemos, nosso corpo fique mais predisposto a doenças por conta da imunidade mais fragilizada. Uma das causas é que muitos medicamentos podem interferir na absorção das vitaminas.

Nesses casos, a suplementação com multivitamínicos é uma das opções para tratar essa deficiência causada pela ação de outros medicamentos. É o caso do Forteviron Vitamin A-Z Men 50+, indicado para homens com mais de 50 anos, que possui em sua composição vitaminas e minerais que fortalecem o sistema imunológico e combatem a ação dos radicais livres.

Multivitamínico engorda?

Uma preocupação quando o assunto é suplementação vitamínica é se o consumo pode interferir no peso. No entanto, os multivitamínicos não engordam. A ação principal desses suplementos no organismo é de repor as vitaminas e nutrientes que estão em deficiência.

Na composição, os multivitamínicos não devem ter açúcares, gorduras, ingredientes calóricos ou substâncias que possam alterar o apetite.O que determina a variação de peso é a alimentação aliada a prática de exercícios físicos.

Como tomar o multivitamínico?

O uso dos suplementos vitamínicos devem ser feitos de acordo com o recomendado na bula e pelos médicos ou nutricionistas. A ingestão deve ser feita durante uma refeição, como na hora do almoço ou jantar.

Os multivitamínicos nunca devem ser usados para substituir uma refeição, mas sim como complemento delas. 

Não existe um melhor horário para consumir os multivitamínicos, mas é importante que seja durante a refeição. Isso porque existem alimentos que auxiliam o organismo na absorção das substâncias. 

Cuidados

Quando falamos de saúde precisamos ter em mente que tudo em excesso pode fazer mal e trazer complicações. Isso se aplica aos multivitamínicos pelo risco da superdosagem em casos em que não há acompanhamento profissional. 

É importante entender quais as necessidades que o seu organismo possui para suplementar o que há de deficiência e na quantidade correta.

Por isso, antes de iniciar o uso de qualquer suplemento vitamínico, é importante consultar um médico ou nutricionista e entender quais as necessidades que o seu corpo tem.

Por fim, busque sempre manter um estilo de vida saudável, com uma boa alimentação e exercícios físicos.

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *